janeiro 28, 2009

Recordações da Bienal

Mais uma edição da Bienal de Cultura e Arte da UNE chegou ao fim, dessa vez a sede foi a capital baiana, que distribuiu as inúmeras atividades do evento por quase toda cidade, concentrando as principais no Passeio Público (Teatro Vila Velha). Apesar das expectativas terem sido muitas, não houve um bom aproveitamento do evento por parte da maioria dos alunos de artes visuais da UFS devido à grande desorganização que permeou toda a logística do evento.

Já no que diz respeito à vivência universitária houve uma grande recompensa, pois a interação com pessoas de outros estados foi bastante significativa para a delegação Sergipe, que se manteve animada na VI Bienal da UNE do início ao fim, sendo um dos pontos altos do evento a intervenção que realizamos na quarta-feira no alojamento da Escola Parque ao som de muito forró, xote, xaxado e baião.

Confiram abaixo algumas das imagens da delegação Sergipe na 6ª edição da Bienal da UNE

Na rodoviária de Aracaju embarcando para Bienal


Credenciamento no Teatro Vila Velha


Desalojados no Passeio Público: esperando o ônibus para Escola Parque


Apresentação do grupo Nação na mostra estudantil de música


Duelo de MC's: convite para debate sobre hip hop e politização


Vivência universitária antes do cortejo junino no alojamento


Delegação Sergipe tomou conta do palco principal do alojamento


Houve tempo também para passeios históricos como visitar o Pelourinho


No Passeio Público esperando o ônibus para o alojamento


Delegação Sergipe na praia de Itapoã


Movimentação no Teatro Vila Velha: 'QG' do festival

Café da manhã animado todos os dias


Alojamento da Bienal: Escola Parque

Alinhar ao centro

janeiro 14, 2009

Programação da VI Bienal de Cultura e Arte da UNE

Segue abaixo a programação do evento já confirmada. Confiram os horários das atividades:

20 de Janeiro - Terça-feira

09h00 às 18h00

• Recepção, credenciamento e alojamento das delegações
• Inscrições das oficinas
Local: Colégio Manoel Novais – Canela

19h00 às 23h00


• Abertura da 6ª Bienal da UNE – 30 anos da reconstrução (com Cine Jornal – vídeo – e encenação teatral que revive a história da UNE de Honestino Guimarães aos dias atuais)
• Abertura da 1ª Trienal da OCLAE – intervenções pres. UNE e pres. OCLAE
• Passeata com ex-presidentes para frente do Teatro Castro Alves
• Convidados: Jacques Wagner, Juca Ferreira (repr. MinC), ex-presidentes da UNE, Lázaro Ramos, MST, CTB, CUT, ANPG, UBES
• Trio Elétrico (campo Grande – Praça Castro Alves) – Margareth Menezes e afro-pop + Moraes Moreira


21 de Janeiro – Quarta-feira

09h00 às 12h00

Oficinas e mini-cursos

Artes Visuais


01 - Poéticas da rede
Cláudio Bueno / São Paulo
02 - Pin role
Bianca Portugal / Bahia
03 - Monotipia
Evandro Sybini / Bahia
04 - Iniciação teórico-prática à Crítica Institucional dos Coletivos de Arte na contemporaneidade desse momento atual, ou seja, hoje
Grupo de Interferência Ambiental – GIA / Bahia

Artes Cênicas

01 – Mamulengo
Gil Teixeira / Bahia
02 – Danças Circulares
Patricia Ferraz / Bahia
03 – Palhaço
Palhaço Xuxu (Luís Carlos Vasconcelos) / Paraíba
04 – Dança Afro
Balé Folclórico da Bahia

Literatura


01 – Epigramas
Elieser César / Bahia
02 – Poesia ritmada
James Martins / Bahia
03 – Fanzine
Mauricio Tavares e André Czarnobai / Rio Grande do Sul
04 – Adaptação cinematográfica de romances nacionais

Cinema


01 – Cineclubismo
Hermano Figueiredo
02 – Cinema de animação stop motion
Luciano Dami
03 – Edição de vídeo em software livre
Elielson
04 – Roteiro
Roberto Duarte
05 - Câmera (noções basica p/ amadores, visando novos mídias como youtube e festivais de videos de celular)
Nelson FTC

Música


01 – Percussão corporal
Barbatuques / São Paulo
02 – Vivência Musical Indígena
João José Felix / Paraná
03 – Música e a rede Software Livre – Produção Musical
Marcos di Silva Cristiano Figueiró Prof escola de Música da UFBA
04 – Rumpilezz
Orquestra Rumpilezz

Ciência e Tecnologia


01 - Antropologia da culinária
Lígia Amparo / Bahia
02 - Semiótica
03 – Farmacologia
Farmácia da Terra / Bahia
04 -Oficinas Espaço Cuca
(Passeio Público)

14h00 às 16h00

Debates Simultâneos

1) 10 anos de Bienal – Balanço dos avanços e desafios da relação UNE versus Cultura;
Tininha (atriz e prod. cultural, ex-coordenadores do CUCA); Santini (atual coordenador do CUCA); Fernanda Montenegro (atriz – Eles não usam Blck Tie); Sérgio Mamberti (pres. Funart); Aldo Arantes (ex-pres. da UNE, CPC); Luis Parras (ccordenador da VI Bineal); Ricardo Capelli (ex-pres. UNE)

2) Juventude e Políticas Públicas
Beto Cury (Secretário Nacional de Juventude); Serginho Groisman (Apresentador TV Globo); Regina Novaes (ex-pre. CNJ); Alejo Ramirez – OIJ (Argentina); Manuela D’Ávila (dep. Fed.); Rodrigo Abel (Superint. Juv. RJ)

3) Hip-Hop como elemento político social
Nação Hip-Hop Brasil; MH2O; Lamartina Silva (MHHOB); Preto Zezé (CUFA)

4) A AL e as relações Sul-Sul – Integração dos povos e desenvolvimento
Paulo Visentini (RI – UFRGS); Gilberto Marigoni (jornalista), Min. RI de Cuba, Samuel Pinheiro Guimarães (Itamaraty), Gustavo Codas (ASC);

Artes visuais

1- Espaço da Arte Contemporânea
Xiclet ( RJ), Grupo de interferência urbana Callajero (SP), Marilei Fiorelli (BA)
Artes Cênicas
2- O amador profissional: o que é se profissionalizar no Brasil
Luis Carlos Vasconcelos – Piollin (PB), Fernando Marinho / SATED (BA)

Literatura


As variedades do português
Américo Venâncio (BA), Rosa Virgínia Mattos e Silva (BA) e Marcos Bagno (SP)

Cinema

Circulação Cinema Brasileiro: alternativas para distribuição
Ancine / Manoel Rangel, Mário Diamante (SP), Claudino de Jesus – Presidente do Conselho Nacional de Cineclubes (CNC), Rita Cajaíba ABCV (BA)

Música


Musica e Ritual
Lucas Rehen Antropólogo e Músico da Banda Ponto de Equilíbrio (RJ), Xavier Vatin – Diretor do Centro de Artes, Humanidade e Letras UFRB (BA), João José – Professor da Escola de Música e Belas Artes do Paraná.

Ciência e Tecnologia

Josué de Castro
Silvio Tendler (RJ), Anna Maria de Castro (RJ), Patrus Anananias (DF), Luciano Rezende (MG)

A partir das 17h00


Mostras Convidadas

Artes visuais

Mostra Cildo Meireles – será composta por obras originais do artistas, vídeos e reproduções em imagens dos trabalhos mais significativos. Compondo a Mostra, jovens artistas, na maioria que acompanharam a trajetória do CUCA nestes 8 anos e que sofrem influência direta do artista, matarão uma exposição de objetos, instalações e novas experiências

Artes Cênicas


Nego Fugido (homenageados) manifestação popular do interior da Bahia, com bases no imaginário afro brasileiro.
Audio tur – grupo Bio Neural – teatro experimental de rua, o grupo promove uma imersão na cidade, pode-se saber mais no blog da Bienal, onde tem uma matéria sobre o grupo - (Argentina) (Trienal)

Literatura


Café literário é o espaço da mostra, o homenageado é Machado de Assis, além disso, entre 17h e 22h acontecem saraus, lançamentos de livros e mostra de vídeos

Cinema


Homenagem a Nelson Pereira dos Santos, exibição do Filme “Como era gostoso meu francês” TCA 20h do dia 21/01

Música


Shows no Terreiro de Jesus, a partir das 20h00

Ciência e Tecnologia


Homenagem a Josué de Castro, exibição do filme “Josué de Castro, cidadão do mundo” de Silvio Tendler, com participação do diretor e da filha do geógrafo

Espaço Cuca

17h – Passeio Público
PC APAE BA/CIA DE DANÇA OPAXORÔ/”ORQUESTRA DE ATABAQUES (Bahia)
PC GRÃOS DE LUZ E GRIÔ/SHOW FAMÍLIA GRÃOS DE LUZ E GRIÔ
PC PRACATUM/ CORDEL VIRA MUNDO (Teatro Vila Velha)


22 de Janeiro – Quinta-feira

09h00 às 12h00

• Oficinas e mini-cursos
• 3º Diálogos da Juventude – local a definir (Juremar e Bia Costa)

14h00 às 16h00

Debates Simultâneos

1) Leis de anistia no Brasil e AL- A questão da Tortura e a abertura dos arquivos das Ditaduras
Baltazar Garsón (juiz); Tarso Genro (Min. Justiça); Paulo Vanuchi (Secr. Direitos Humanos); Cezar Britto (Pres. OAB); FUA (Argentina)

2) Democratização dos meios de comunicação
Mino Carta (Carta Capital); Paulo Henrique Amorim (Band, ex-IG); Franklin Martins (Secom); Raimundo Pereira (Retrato do Brasil); Luiz Nassif (Blog do Nassif); Altamiro Borges (Vermelho); Intervozes; MST

3) Caravana da UNE saúde, educação e cultura
MS Temporão; CEBS; Jairnilson Paim ou Carmen Teixeira ou Leny Prates (UFBa); Dalat;

4) Reformar a Universidade, para um projeto de integração latino americana
José Renato carvalho (IESALC/)UNESCO, Dr. Gustavo Garcia de Paredes (UDUAL), AUGM, M. Sc. Efraín Medin (CSUCA), UNE, reitor Amaro Pessoa Lins (ANDIFES), reitor Hélgio Trindade (UNILA)

5) Ações, Projetos e Programas de Ações Afirmativas
Secr. Esp. De Políticas de Mulheres (SEPM); Dra. Maria Inês (UNIFEM); Helena Oliveira (UNICEF); MEC; Giovanni Harvey

Artes visuais

Tempo: Memória individual e social
José Rufino (PB), Virginia Medeiros (BA),

Artes Cênicas


O que é artes cênicas? – mapeamento da produção brasileira/latino-americana
Luciene Borges, Maurício Dantas, Clara Trigo

Literatura


Literatura Latino Americana: semelhanças, diferenças e a influência do contexto (todos a confirmar)
João Ubaldo Ribeiro (Brasil), Pedro Juan Gutiérrez (Cuba) e Eduardo Galeano (Uruguai) / Mediador: Antonio Risério

Cinema


O Cinema Brasileiro e o cinema latino-americano
Nelson Pereira dos Santos (RJ), Silvio Tendler ( RJ), Erik Rocha (RJ)

Música


Semba, Samba e as Vertentes Originadas
Juliana Ribeiro – Cantora e Pesquisadora, Riachão – Cantor da Velha Guarda do Samba (BA), Martinho da Vila

Ciência e Tecnologia

Ciência e Universidade
Ildeu de Castro (RJ), Lucia Stumpf (SP), Hugo Valadares (SP), Naomar Monteiro (BA)

A partir das 17h00

Mostras Convidadas

Artes Cênicas


Audio tur – grupo Bio Neural – teatro experimental de rua, o grupo promove uma imersão na cidade, pode-se saber mais no blog da Bienal, onde tem uma matéria sobre o grupo - (Argentina) (Trienal)

Cinema


Lançamento da caixa dos filmes de Glauber Rocha, exibição do filme “Pachamama” de Eric Rocha TCA 20h

Espaço Cuca

17h - Passeio Público
SAMBA DE MUSSUCA – PAREIA
PC CASA DO SAMBA DO RECÔNCAVO/SAMBADEIRAS E SAMBADEIROS DO RECÔNCAVO
PC CUCA RJ BANDA PAIDÉGUARÁ
PONTÃO CTO BA (Teatro Vila Velha)


23 de Janeiro – Sexta-feira

09h00 às 12h00
• Oficinas e mini-cursos

15h00

• Concha Acústica-Conferência no tema
“Raízes do Brasil: sentido e formação do poço brasileiro”
• Exposição artística com o temaChico Buarque
• Diálogo Cantado: Tom Zé e Jorge Mautner

A partir das 17h00

Mostras Convidadas

Artes Cênicas


Companhia do Latão(SP) – A Cartomante (Teatro Castro Alves às 20h)

Cinema


Exibição do filme “Rio 40 graus, de Nelson Pereira dos Santos”, espaço de cinema

Espaço Cuca

17h - Passeio Público
A BANDA/PC MUSEU DO HOMEM DO KARIRI
CLÃ NORDESTINO
NAÇÃO HIP-HOP/BATALHA DE MC's
Dia 14 o dia seguinte, peça teatral – Bahia (Teatro Vila Velha)


24 de Janeiro – Sábado

• Visitas a museus
• Pontos de Cultura
• Manhã Livre

14h00 às 16h00

Debates Simultâneos

1) O esporte enquanto elemento de integração entre os povos
Orlando Silva (Min. Esportes); Sócrates; Fabiana Costa (CEMJ); Luis Erlanger / Raphael Vandystadt; Preto Zezé (CUFA); FEUE do Equador

2) O Indígena nas raízes do Brasil e da AL
Sepir; Tabajara Ruas; COIAB

3) A mulher nas raízes do Brasil – sem as mulheres outra América não é possível
Nilcéa Freire (SEPM); Mary Castro; Eline Jonas (UBM); Alessandra Terribili (MMM); AMB

4) Educação e Cultura: meia-entrada e acesso aos bens culturais
UNE;

5) Financiamento da Cultura: Mudanças na Lei Rouanet
CUCA

6) O Movimento Social a partir da Cultura / Formação de Redes Culturais
Célio Turino (MinC); Ivana Bentes (UFRJ); Rede de Cultura da Bahia; representante da CMS; Tetê Catalão

7) Políticas de Promoção da Igualdade Racial: um movimento globalizado
Edson Santos (SEPIR); Olívia Santana (UNEGRO); Fund. Cultural Palmares; OEA; Valter Altino (Atitude Kilombola)

Artes visuais

Fronteiras
Diana Domingues (RS), Pasqualino Romano Magnavita (BA), Ayrson Heráclito (BA)

Artes Cênicas

O uso dos espaços abertos e da dramaturgia épica nas artes cênicas populares
Rafael V. Boas MST ( )

Literatura


Escritores jovens, estreantes e a dificuldade de publicação
André Czarnobai (RS), Patrick Brock (BA) e Wladimir Casé (RJ)

Cinema

Leis e editais: conhecendo políticas públicas
Solange Lima, presidente da ABD (Associação Brasileira de Documentaristas e Curta-metragistas) (BA), Silvio Da-Rin, secretário do audiovisual ( ), Daniel Lisboa, cineasta pela produtora Cavalo do Cão.(BA)

Música


Música Popular na Universidade
Armandinho (BA), Rowney Scott (BA), Ricardo Bordini UFBA, Mart'nália ou Arlindo Cruz (RJ)

Ciência e Tecnologia


Propriedade Intelectual
Antonio Cabral (RJ), Marco Raupp (SP)

A partir das 17h00

Reunião Representativa da OCLAE

Mostras Convidadas

Cinema

exibição do filme de Glauber Rocha
Além de outros curtas, confirmado “Cães”de Adler Paz e Moacir Gramacho prêmios de melhor ator, fotografia e premio da crítica no último festival de Brasília

Espaço Cuca

17h - Passeio Público
PC CASA DE TAINÃ/TAMBORES DE AÇO DA TAINÃ
PC MARACATU ESTRELA DE OURO
JORGE MAUTNER E NELSON JACOBINA
PC FUNDAÇÃO PIERRE VERGER/”SAMBAS DE ENGENHO” (Teatro Vila Vilha)
PC CRIA POESIA (sarau poético sem dia previsto, no Café Literário)
MOSTRA OLHO NO PONTO DE CURTAS DE PONTOS DE CULTURA (todos os dias no Café literário, com votação de júri popular para os melhores vídeos, os mais votados farão parte de uma coletânia.

Mostra permanente de intervenções urbanas
Pia todo dia – Programa de Interferência Ambiental – CUCA UNE
EIA - SP
POLÍTICA DO IMPOSSÍVEL - SP
PANAMBY - MT
VIVARTE – AC
A CASA - MG
COLETIVO CAMARADAS - CE
PORO - MG
DIMENSSÕES – AP
JOÃO RAMOS – BA
FERNANDO G LOPES – BA
TUTI MINERVINO – BA
LAIS SOLILOQUIO - BA

Espaço Circo – todos os dias

Manhãs
Oficina Palhaço (pela mostra de artes cênicas)
Tardes
Oficinas (emerson) – Malabares, trapézio corda etc.
Noites
01 - Mostra de circo palhaço Xuxu (grupos da Bahia) (PB)
02 - Noite de Gala (Emerson) (RJ)
03 - Mostra Estudantil


25 de Janeiro – Domingo

10h00
Ato político da 1ª Trienal da OCLAE
CULTURATA – Caminhada cultural

14h00/14h40

Final da Bienal
Grupo Teatral “Ta na Rua” – Praça Castro Alves – lugar e grupo ruins

Espaços Permanentes da Trienal da OCLAE

- Mostra de Homenagem a Darcy Ribeiro (em parceria com a Fundação Darcy Ribeiro e Universidade da República Uruguai)
- Mostra de artes visuais em homenagem aos 50 anos da Revolução Cubana.
- Exposição das instituições, ex: UNESCO, UNILA, AUGM e etc.
- Espaço Latino americano, para as entidades estudantis internacionais.
- Mostra de Dança do Equador
- Documentário da Colômbia
- Documentários da Nicarágua
- Mini curso de Cine jornal com ICAIC – Cuba

ATENÇÃO:

- É indispensável que cada participante leve seu comprovante de pagamento da Bienal para fazer o credenciamento, caso contrário terá que pagar novamente a taxa.